domingo, 17 de março de 2019

Paulo não diz nada. Mas Bolsonaro liberou R$ 82 milhões para Adutora do Agreste

Resultado de imagem para Bolsonaro
A Adutora do Agreste, que leva do água do São Francisco a municípios que sofrem com a seca, vão receber um aporte de R$ 82 milhões do Governo Federal. A previsão é que até o final de março a primeira etapa da obra seja concluída e abasteça 22 dos 40 municípios que devem ser contemplados. O recurso foi garantido no dia 20 de fevereiro de 2019, durante uma audiência do governador Paulo Câmara com o ministro do Desenvolvimento Regional, Gustavo Canuto, em Brasília.

“Essa liberação, que está sendo creditada hoje (20.02), é uma notícia importante. Já estamos levando água da Adutora do Agreste até Belo Jardim e esperamos, até o final de março, que toda a primeira etapa (até São Caetano) seja concluída e tenhamos condições de abastecer 22 municípios do Agreste pernambucano. E a nossa ideia é, na sequência, trabalhar para garantir recursos para o abastecimento dos quarenta municípios que precisam dessa água complementada na região”, afirmou, na época o governador Paulo Câmara.

O montante de R$ 82 milhões se soma a outros R$ 68 milhões aportados no segundo semestre do ano passado, totalizando R$ 150 milhões (do Orçamento Geral da União de 2018) investidos na adutora durante os governos Temer e Bolsonaro.

Um comentário: