quarta-feira, 4 de julho de 2018

Bruno é o nome da vez para o senado



Imagem relacionadaO deputado federal Bruno Araújo (PSDB) tem sido incentivado pelos aliados do partido para entrar na briga pelo senado. Motivos de sobra ele tem: após o arquivamento da denúncia, a única, que envolvia o ex-ministro das cidades, o seu nome tem sido lembrado em todas às rodas de conversas e tem unido o partido que vê em Bruno a possibilidade de dar continuidade ao legado de Sérgio Guerra que reorganizou o partido no estado.

Bruno Araújo surge como a novidade nesta semana que antecede às convenções. Outro fator que tem incentivado Bruno é a provável ida de Mendonça Filho (DEM) para a vice de Alckmin (PSDB) no plano nacional que deverá estar sendo decidido até o dia 15. O partido está animado com a possibilidade. "Bruno é a cara do PSDB de Pernambuco,e ele tem força e liderança para unir o partido neste momento importante para o estado", contou-me uma fonte.

A decisão deve sair nos próximos quinze dias. Com a ida de Bruno para a vaga de senador, cresce fortemente o nome de Daniel Coelho (PPS) para a vice de Armando o que daria uma fôlego e tanto na campanha para governador do trabalhista.  "O que nós estamos organizando e nos unindo é para oferecermos a melhor e mais arrojada chapa majoritária para a população" disse um dos líderes tucanos. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário