quinta-feira, 7 de março de 2019

Cancelamento: Mourão não vem ao Recife porque cargos federais não foram definidos

Resultado de imagem para Mourão
O vice-presidente Hamilton Mourão (PRTB) cancelou visita que faria ao Recife nesta sexta-feira (8), e várias hipóteses começaram a serem aventadas, inclusive a de que teria sido chamado para apagar "incêndios" com relação às últimas declarações do Presidente Jair Bolsonaro (PSL).

Uma delas, foi uma declaração dada hoje pelo Presidente de que  só havia democracia no Brasil porque os militares queriam. Mas não foi isso. Ou, apenas isto!

Uma verdadeira tropa de insatisfeitos com às últimas nomeações de pessoas ligadas a grupos de esquerda, em detrimento a pessoas ligadas ao PRTB, militares e lideranças que trabalharam dando o sangue na campanha de Jair Bolsonaro e até agora não foram contemplados com nenhum cargo na esfera federal. Segundo informações, a pressão que o vice-presidente Mourão iria levar em Pernambuco seria grande e terminou sendo o motivo principal de sua ausência. A pessoas mais ligadas, Mourão teria dito que só viria ao estado após serem resolvidas estas questões que "não depende dele, mas da boa vontade do presidente". 

A tropa de Bolsonaristas em Pernambuco não está satisfeita com o tratamento dado pelo Presidente Bolsonaro que deu apenas um cargo a um amigo antigo dele aqui no estado: Gilson Neto, safoneiro da Brucelose. Fora ele, ninguém: nenhum indicado a cargo algum e isso está deixando a tropa irritada, o que iria gerar um imenso chororô para o vice-presidente Mourão, que decidiu remarcar a data apenas para quando esses "assuntos" estiverem praticamente resolvidos aqui em Pernambuco.

As últimas informações é que os cargos seriam entregues conforme às votações nas reformas do Governo Bolsonaro, principalmente dos deputados federais que dizem uma coisa aqui no estado e outra completamente diferente em Brasília. 





Nenhum comentário:

Postar um comentário