sábado, 4 de maio de 2019

Eduardo Coutinho: "Paulo se aliou com os adversários de Arraes e abandonou nossa região"

Na manhã desta sexta-feira dia 03 de maio, o Prefeito de Água Preta, Eduardo Coutinho (PSB), concedeu uma entrevista exclusiva ao Blog do Silvinho. Durante cerca de vinte minutos foram debatidos diversos temas voltados à administração do município de Água Preta e também falamos sobre a política estadual e nacional. O Prefeito deixou claro durante a entrevista que não vai disputar a reeleição no ano de 2020 por acreditar que já cumpriu o seu papel na política e já deu sua parcela de contribuição para a cidade e também para o estado. Eduardo Coutinho ainda faz parte da executiva nacional do PSB, partido que deverá estar se desfiliando nos próximos meses.

Sobre a cidade de Água Preta, o Prefeito Eduardo Coutinho disse que "Água Preta vai bem, apesar da crise que assola o país. Mesmo tendo diversos problemas que assolam todos os municípios brasileiros, o município vem mantendo suas contas em dia". "Nós estamos fazendo um grande trabalho na saúde, na educação, na Assistência Social, na cultura". Sobre a saúde, o prefeito fez um extensa prestação de contas citando como exemplo "um CAPS que é referência regional,  dois NASF itinerantes, um CEO que funciona bem. Um centro de fisioterapia, várias UBS's, fizemos o mutirão de urologia, atendemos quase cento e trinta homens, tendo encaminhado alguns para o Recife. Nós temos um hospital que está operando e funcionando muito bem. Nós temos oito ambulâncias novas no município, transportes com ar condicionado para transportar doentes da Usina Santa Terezinha e da cidade para o Recife". O prefeito falou também sobre o aumento salarial dos ACS's e que Água Preta foi um dos primeiros municípios a implementar o uso de tablet alimentando diretamente no sistema do Ministério da Saúde. Eduardo ainda ressaltou que Água Preta tornou-se referência nacional com relação ao pagamento do PMAC.

Resultado de imagem para Eduardo Coutinho e João Fernando CoutinhoSobre a questão de recursos do governo do estado para o município de Água Preta, Eduardo Coutinho disse que o governo do PSB está em atraso com a cidade. "Não é só Água Preta, mas em diversos municípios. O ex-deputado federal João Fernando Coutinho conseguiu enquanto deputado federal diversas emendas da União para o município e foi o que nos ajudou muito. Fiz quinze requerimentos ao governador Paulo Câmara desde 2017, e até o momento nenhum foi atendido. Espero que nos próximos meses o governador possa se recuperar e seguir o exemplo de Eduardo Campos que fez muito pela região, porque este que está aí até o momento não disse a que veio na nossa cidade e talvez até na nossa região" disse Eduardo Coutinho.

Iluminação Pública 
Um dos questionamentos feito pelos internautas foi com relação a problemas na iluminação pública. O Prefeito disse que era uma inverdade (Vale ressaltar que nesse momento o Prefeito nos mostrou diversas fotos das ruas iluminadas, consertos e reparos feitos diariamente pela equipe da secretaria de infraestrutura). O Prefeito disse que a questão de iluminação é feito com uma empresa licitada e permanente.

Calçamento 
Neste momento mostramos algumas fotos de ruas que ainda não estão calçadas. O prefeito Eduardo Coutinho disse que a falta de recursos inviabilizou a questão do calçamento em diversas ruas, principalmente com a falta de recursos do governo do estado através do FEM. O Prefeito está refazendo um calçamento de acesso ao hospital que estava destruído é ainda da Operação Reconstrução 2010 que o estado abandonado. O Prefeito ainda que a Prefeitura de Água Preta conseguiu recursos para fazer a reforma do hospital que na verdade seria da alçada do governo do estado que deixou a obra e o calçamento abandonados.

Candidatura a reeleição: Poderia ou não? 
Um grande questionamento no meio jurídico foi levantado de que Eduardo Coutinho não seria candidato a reeleição porque configuraria um terceiro mandato consecutivo tendo em vista que o mesmo assumiu durante o ano de 2013 por 8 meses. O Prefeito disse que não procede e que ele tem direito a reeleição e que não virá candidato porque está se aposentando após 40 anos de vida pública, destes 5 em mandatos de prefeito da cidade. E que está apoiando o seu vice, Tonhão que já foi Presidente do SAAE, Secretario de Infraestrutura, Secretário de Administração, Secretário de Saúde, é uma pessoa da terra, dedicada, conhece gestão pública, honesta.É uma pessoa séria,e de bom coração. E eu acredito que o povo de Água Preta vai ver que depois de 40 anos eu tenho o direito de me aposentar da política.
O Prefeito Eduardo Coutinho disse que realmente está desencantado com a política, primeiro com a eleição de um presidente que eu não concordo com ele à frente do Brasil. A reeleição do próprio governador que na minha visão na mata sul nada fez. A derrota do meu filho que foi um guerreiro na política. Então está na hora de me aposentar e me dedicar a minha vida e deixar o meu sucessor que vai estar fazendo um bem enorme a Água Preta.

Noé Magalhães 
Indagado sobre críticas feitas pelo vice-prefeito de Xexéu em entrevista ao Blog Ponto de Vista na qual Noé não poupou críticas ao prefeito e ao seu filho o ex-deputado João Fernando Coutinho, o Prefeito Eduardo disse que "quando a ignorância fala, a inteligência se cala". "Nós nunca traímos ninguém. Em 1998 existiam 14 prefeitos do PSB na mata sul durante a gestão Jarbas Vaconcelos e destes, 13 traíram Miguel Arraes e restou apenas um que sou eu. Eu ainda estou no PSB e inclusive recebi semana passada um convite para participar de uma reunião do diretório nacional do qual faço parte há mais de 20 anos. Fui leal a Miguel Arraes, fui leal a Eduardo Campos e a Paulo Câmara que quando veio candidato fui coordenador de sua campanha em Caruaru administrando os interesses de grupos políticos diferentes como a então deputada Raquel Lyra, o governador João Lyra, Tony Gel, o então prefeito José Queiroz, Laura e Jorge Gomes, empresários de Caruaru. Fiz um excelente trabalho lá. Nunca trai ninguém na política. A divergência com a família Magalhães vem de anos, e Eduardo fez no ano de 2011 a pacificação das famílias e isso durou até o ano passado quando eles em entrevista a uma rádio disseram que não tinham mais interesse nessa parceria conosco. Não tem cabimento essa alegação de Paulo Câmara que nós somos traidores. Quem nos traiu foi Paulo Câmara quando se aliou com os antigos adversários de Eduardo Campos e Miguel Arraes aqui na mata sul que todo mundo sabe quem é. Ou estão esquecido da zona de exclusão de 1996? Os fatos que levaram a zona de exclusão. Como Eduardo Campos andava comigo no final da década de 90. Divergências nos separaram, porque nós não tínhamos como ficar sob o comando de alguém que nós não concordávamos. Nós nunca traímos ninguém na política, ao contrário de muitos políticos da região que fazem acordos e não cumprem.

Considerações finais
Eu agradeço Silvinho, espero que seu blog cresça. Tenho lido muito. Vejo que o blog prega pela polêmica, pelo contraditório é uma linha interessante. Espero que você possa crescer muito nesse trabalho profissional e que nós possamos ter bons resultados ao longo dos próximos anos e que vem aí um momento de tensão que são as eleições municipais. E que você faça uma cobertura isenta e imparcial buscando sempre a realidade, indo in loco buscar a realidade nesse grande processo importante que é a democracia e o voto.

A entrevista completa, você escuta nos links abaixo:

Parte 1:
https://soundcloud.com/silvinho-silva-1/eduardo-coutinho-parte-1-mp3cutnet

Parte 2:
https://soundcloud.com/silvinho-silva-1/eduardo-coutinho-parte-1-mp3cutnet



  


Nenhum comentário:

Postar um comentário