domingo, 10 de março de 2019

PSB e PT caminhando para aliança no Recife e o PSDB totalmente perdido na capital e no estado.

O PSB e o PT devem caminharem juntos na eleição de 2020 na capital recifense. Vale a pena ressaltar que será o PSB e o PT: Marília Arraes não vai! Do PT, vai Humberto e João da Costa, este último sua esposa ganhou de brinde um cargo no Governo do Estado para tal. Uma crítica feita pelo vereador André Regis (PSDB) em seu instagram chamou a atenção para o fato de dois atores estarem de volta à cena. Vale a pena lembrar ao leitor do nosso blog e principalmente do Recife que desde o ano 2001, o PT e o PSB se revezam na administração da capital. Em 2000, com a vitória de João Paulo (PC do B, mas na época PT) começaria um ciclo petista que durou 8 anos seguido por 4 anos de João da Costa e depois 8 anos de Geraldo Júlio (PSB). 20 anos de administração na capital.

Como ao PT não interessa quem seja o cabeça ou o líder, mas quem vai ficar com a chave do cofre, tanto faz se será o deputado João Campos (PSB) ou Felipe Carreras (PSB). Ainda com resquícios das brigas internas que rifou Marília Arraes do jogo político que poderia tê-la colocado no Palácio das Princesas, e de uma disputa acirradíssima interna por cargos na prefeitura e no governo do estado, o PT tenta se adaptar no governo do estado através de seus quadros e vale dizer que muitos deles sem o aval da direção estadual, mas com o aval do dono do partido, o Senador Humberto Costa (PT). 

Do outro lado, no combate a essa aliança ninguém sabe quem vai ser o grande polarizador do jogo eleitoral. Completamente fora das administrações sejam estadual ou federal, o PSDB, partido do vereador André Regis tem apenas uma deputada cuja atuação está abaixo do esperado: A tucana Alessandra Vieira. A esposa do Prefeito Edson Vieira de Santa Cruz do Capibaribe até agora não demonstrou jogo de cintura e nem adaptação com a política de uma parlamentar. Está com uma atuação muito tímida e quase não se fala dela. Diferente da época da campanha. Assim sendo, ao PSDB cabe apenas uma coisa: se reinventar. E embora tenha o ex-prefeito Elias Gomes (PSDB) como uma pessoa forte na disputa pela Prefeitura de Jaboatão dos Guararapes, não se pode dizer o mesmo do Recife, onde em suma: Não se tem ninguém.

Um dos que poderiam assumir a tarefa de liderança na capital, seria o presidente estadual do partido e provável presidente nacional da legenda, Bruno Araújo. Derrotado na corrida pelo senado, Araújo é o nome do governador de São Paulo, João Doria Junior para assumir a presidência do PSDB. Bruno Araújo simplesmente deixou o estado e está entre Brasília e São Paulo exercendo sua profissão de advogado. Seria um nome como uma luva para os tucanos em Pernambuco para disputar a Prefeitura do Recife, já que o PSDB perdeu para o PPS o deputado federal Daniel Coelho que é um nome fortíssimo caso venha a disputar a Prefeitura do Recife. 

Em um momento que o PRTB do deputado estadual Marco Aurélio assume uma liderança firme na oposição ao prefeito Geraldo Júlio e ao governador Paulo Câmara juntamente com o DEM de Antonio Coelho e a liderança de Fernando Bezerra Coelho, isso para ficar no campo centro-direita, pois vale lembrar que ainda temos Túlio Gadelha pelo PDT que deve também ser candidato a Prefeito do Recife, o PSDB assume um papel coadjuvante como nunca antes visto na história de Pernambuco desde os tempos de Sérgio Guerra que refundou o partido no estado. 

ALEPE - Na Assembleia Legislativa do nosso estado, vale lembrar, que a deputada Alessandra Vieira é a primeira tucana que esperamos que faça realmente oposição ao governo do estado. Vale lembrar que na última legislatura os deputados estaduais tucanos simplesmente usaram a legenda e mudaram em cima da eleição por um partido que os desse mais "folga" para se eleger. Os políticos tucanos de Pernambuco, salvo raríssimas exceções, sempre colocaram os seus projetos pessoais acima dos projetos partidários. Muito diferente do PT, do PSB, que tem uma forte militância no estado. O PSDB está mais perdido do que cego em tiroteio em Pernambuco, e essa falta de um norte aqui no estado está deixando o PSB bem à vontade: Tanto a nível municipal como estadual. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário