quarta-feira, 27 de março de 2019

Bolsonaristas ainda sem acreditar na mal repartição de cargos do Governo Federal

Resultado de imagem para João Fernando Coutinho e Lula
Aliados do Presidente Jair Bolsonaro (PSL) em Pernambuco ficaram com os nervos à flor da pele. A irritação foi grande hoje nos bastidores do PSL e do PRTB. O motivo seria a não indicação de nenhum dos seus membros para os órgãos federais e sim de pessoas ligadas ao PT e que fizeram campanha para Fernando Haddad em 2018.

Um dos casos que ficou nítido, por exemplo, foi a nomeação do ex-deputado federal João Fernando Coutinho (PROS) para uma assessoria do Presidente da Codevasf. Segundo fontes, essa nomeação se deu através das bênçãos do senador Fernando Bezerra Coelho (MDB).

Ainda durante o dia, a informação de que pessoas ligadas ao ex-deputado Silvio Costa(Avante) vão fazer parte do governo federal foi a gota d'água para iniciarem às pressões. 

Veja uma das declarações de um dos membros que fizeram parte dos organizadores da campanha de Bolsonaro:

Os Bolsonaristas de Pernambuco, sobretudo do Nordeste foram literalmente abandonados pelo general comandante da tropa, à  saber, o Presidente Bolsonaro.

Desta feita, o que os deixa ainda mais revoltados é observarem pessoas como o ex deputado João Fernando Coutinho, totalmente do campo oposto a Bolsonaro,  ser aproveitado em um cargo no governo federal.

No exército se diz que comandante bom, é quem não abandona a tropa após batalhas. 

Estamos vendo o contrário, pois mesmo o PRESIDENTE sendo de hábito militar, parece não muito disposto a preencher seu quartel com sua própria tropa. O que torna lamentável para muitos esse tempestuoso início de seu governo.

Vamos aguardar, caso exista deste comandante sinal de bom senso na mudança do atual rumo, que até então vem abandonando o próprio partido fornecedor do seu vice Presidente em sua chapa vitoriosa.

O Presidente nacional do partido Luciano Bivar que é deputado federal por Pernambuco não indicou uma só pessoa para compor o governo. Estes dias, Levy Fidelix fez uma reclamação pública sobre a falta de espaços para o PRTB no governo, partido que é comandado no estado por Ednazio Silva. 

Silvio Costa - Ainda segundo informações pessoas do gabinete do ex-deputado Silvio Costa que era vice-líder do governo Dilma, serão indicadas para o órgãos do governo federal. A equipe prepara uma candidatura ao governo do estado em 2022 e como não possuem a máquina estadual, nem a municipal, vão partir para cima com a máquina federal do governo, através de emendas e apoio financeiro para realização de obras em cidades que são administradas pela oposição no estado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário