domingo, 10 de fevereiro de 2019

Candidata Laranja em Pernambuco: Bebbiano na corda bamba no Palácio

Resultado de imagem para Bebbiano e Bivar
A revelação de uma provável candidata laranja ao cargo de deputada federal no PSL de Pernambuco causou constrangimento na bancada federal do partido. 
Reportagem da Folha publicada neste domingo mostra que Maria de Lourdes Paixão obteve apenas 274 votos apesar de ter recebido R$ 400 mil do fundo partidário do PSL quatro dias antes da eleição. Ela se tornou candidata por decisão do grupo político de Luciano Bivar, presidente nacional do PSL, partido de Jair Bolsonaro.
Pior foi a explicação dadas por Maria de Lourdes à reportagem. 
Não adianta querer repetir o velho ditado de que é coisa da esquerda, invenção do PT e por aí vai. Isso está indo longe demais. Ou o Presidente Jair Bolsonaro (PSL) chama o feito à ordem ou vai se complicar e complicar o seu governo que não tem nem 60 dias. Que deitaram e rolaram no nome de Bolsonaro aqui em Pernambuco ninguém tem dúvidas. Mas se continuar da maneira que vai, o PSL irá arrastar o presidente para a lama e leva junto o seu governo. 
Bivar deu neste domingo explicações sobre o episódio no grupo de WhatsApp que reúne os parlamentares da legenda. Foi defendido por dirigentes estaduais, mas, segundo relatos, a maioria dos congressistas (55 deputados federais e 4 senadores) se manteve calada.
A Folha apurou que Gustavo Bebianno (Secretaria-Geral da Presidência) tentou falar neste domingo por telefone com Jair Bolsonaro, para explicar o caso, mas o presidente, que se recupera da cirurgia para a retirada da bolsa de colostomia, não quis atender o ministro.
Bebbiano foi o responsável formal em liberar a verba para a candidata de Pernambuco, já que era presidente interino do PSL nacional durante a campanha. O cargo voltou depois para Bivar, que é o fundador da sigla que abrigou Bolsonaro e seu grupo político no primeiro semestre de 2018.
A Folha encaminhou perguntas a Bebianno, que não quis se manifestar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário