terça-feira, 22 de janeiro de 2019

Maraial: Quatro prováveis candidatos no cenário eleitoral de Maraial

Resultado de imagem para marquinhos moura maraial
A cidade de Maraial, na mata sul pernambucana deve viver uma disputa como fazia tempos que tinha se visto. Nada mais, nada menos que quatro nomes na disputa pelo comando da prefeitura da cidade. De um lado, o prefeito Marquinhos Moura (PTB) deverá ser candidato a reeleição. 

Moura assumiu a prefeitura durante o período de afastamento do prefeito Marquinhos Maraial em 2012, e foi candidato a reeleição onde foi derrotado pela prefeita Marluce (PSD). A prefeita não fez um bom governo e terminou não sendo sequer candidata a reeleição, indicando Nia para disputar em seu lugar e terminou tendo sua candidatura impugnada o que fez apenas os votos de Moura serem validados.

Moura começou um governo com diversos problemas administrativos, como a queda na receita do FPM, uma seleção simplificada que terminou enrolando e emperrando mais ainda a administração que apenas agora começou a colocar em dia, os salários dos funcionários contratados. Na questão de obras, o prefeito organizou a entrada da cidade, reformou quadras poliesportivas e entregou vários maquinários e veículos nas secretarias municipais. Moura também levou água até sertãozinho (distrito de Maraial). O prefeito acredita estar pronto para o julgamento das urnas e diz ter certeza que será reconduzido ao cargo de prefeito. "O povo quando comparar, vai saber julgar. Vai saber refletir. Então eu não tenho dúvidas nenhuma que vou ser prefeito de novo, caso seja candidato em 2020, de Maraial", disse Moura. 

Oposição - Já no grupo da oposição, os vereadores que estão tem uma candidatura própria entre eles. O vereador Val do Gás(PP) e Everaldo do Queijo são pré-candidatos podendo um ser o vice do outro. Os vereadores no total de seis estão numa disputa acirradíssima pelo controle do legislativo municipal que apesar da posse do vereador Roberto de Corubas, a Justiça Estadual ainda não voltou para julgar o caso e sua presidência está sob liminar.
Em conversa com o Blog do Silvinho, os vereadores disseram unidos para retomar o crescimento e o desenvolvimento do município de Maraial. "Maraial está totalmente abandonada e temos um executivo inoperante onde o prefeito gastou em 2018, o valor de R$ 100.000,00 com diárias é quase R$ 400.000,00 com passagens e viagens. Uma total descontrole das contas públicas" disseram os vereadores que já denunciaram o fato ao Ministério Público.

Resultado de imagem para João Campos Maraial
Ainda na oposição, um dos cotados para disputar o mandato de prefeito com o apoio do deputado federal João Campos (PSB) é Marlos , ele é sobrinho da ex-prefeita Marluce (PSD) que governou a cidade no mandato passado.

Out-side - O comentário na cidade é que existe um provável candidato de (fora do sistema) um novato na política. Esta novidade na política de Maraial, tem se tornado corriqueira no Brasil e em todo o estado de Pernambuco. Foi o caso por exemplo de João Amoedo do Partido Novo. Esse out-side seria um empresário, comerciante da cidade que está disposto a enfrentar todos e ser o prefeito da cidade para o mandato de 2021-2024.

Diante de um cenário como este cabe a gente questionar: Quem vai vencer a disputa pela prefeitura em 2020? Tem muito chão até lá, mas vamos ver se no início do ano que vem, o cenário estará desta maneira ou se muita coisa já terá modificado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário