segunda-feira, 17 de junho de 2019

Prefeitura de Agrestina antecipa os salários de junho de todos os servidores

A Prefeitura de Agrestina decide antecipar os salários que seriam pagos no mês de julho para o mês de junho. Sendo assim, a antecipação fica com as seguintes datas: Efetivos - antecipados para o dia 21/06 e Contratados e Comissionados - antecipados para o dia 28/06. Desta forma, os servidores municipais podem fazer seus festejos juninos bem mais animados. 

#Quais as vantagens de oferecer adiantamento salarial?#

Dentre outras coisas...

O adiantamento de salário é, de forma geral, um benefício aos trabalhadores, comparável ao seguro-saúde, vale-cultura, vale-alimentação e outras vantagens. Ele pode fazer parte da política de remuneração de trabalho.

O adiantamento salarial é uma maneira de mostrar que o empregador valoriza o trabalho e o esforço de sua equipe. É uma prática que comprova que a administração leva em conta o bem-estar de seus trabalhadores e age para recompensá-los de acordo. 

Pagar o salário é apenas uma obrigação. O adiantamento é uma política que mostra envolvimento do empregador com a vida financeira de seus colaboradores.

A Prefeitura de Agrestina valoriza os seus colaboradores!

Água Preta: Justiça suspende São João por dívidas deixadas por ex-gestor

Resultado de imagem para São João festa
Decisão lavrada pelo Excelentíssimo Juiz de Direito da 2ª Vara de Água Preta, Dr. Rodrigo Ramos, nos autos do Processo nº 0000040-86.2018.8.17.2140, determinou o impedimento de realização de qualquer festividade no Município de Água Preta.

Em decisão publicada no dia 05 de junho de 2019, o Excelentíssimo Juiz de Direito da 2ª Vara de Água Preta, Dr. Rodrigo Ramos, determinou o impedimento de realização de qualquer festividade em Água Preta, concedendo nova tutela de urgência, fato que impede a realização dos festejos juninos no Município.

Tal decisão foi tomada em razão do suposto não pagamento de despesa de pessoal, referente aos cargos comissionados e temporários, relativo ao mês de Dezembro de 2016 (Gestão do Prefeito Armando Souto).  

O corpo jurídico da Prefeitura Municipal de Água Preta já entrou com recurso de apelação contra a decisão, tendo requerido a atribuição de efeito suspensivo junto ao Tribunal de Justiça de Pernambuco, porém até o momento não foi julgado.

Em sua defesa, a atual gestão aponta que o antigo Prefeito, ao não realizar a necessária transição de Governo, conforme determina o Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco, não disponibilizou dados concretos dos funcionários para que pudesse fazer o correto pagamento das despesas. Ademais, alega que o fato de suprimir a realização de qualquer festividade não guarda relação com o suposto pagamento em atraso; 

O acesso à cultura, direito coletivo garantido constitucionalmente, não pode ser suprimido em função de direitos individuais disponíveis que deveriam ser requeridos individualmente, por meio de ações próprias intentadas pelos supostos lesados.

Em Petrolina, ministro da Educação e Miguel Coelho anunciam R$ 5,7 milhões para construção de escola e climatização de salas de aula

Em primeira agenda oficial no Nordeste, o ministro da Educação, Abraham Weintraub, anunciou, junto com o prefeito Miguel Coelho, um pacote de investimentos para o Sertão. Na passagem por Petrolina, nesta segunda-feira (17), só para a “Terra da Fruticultura” foram garantidos R$ 5,7 milhões, que serão destinados para a construção de uma escola municipal e a instalação de sistemas de ar-condicionado em salas de aula.

A nova unidade escolar será erguida no bairro Quati, que até hoje não contava com nenhuma sala de aula municipal. Os demais recursos serão utilizados no programa de climatização de pelo menos vinte escolas de Petrolina e compra de outros equipamentos para o ensino.

Bastante à vontade no município sertanejo, o ministro disse estar impressionado com o desenvolvimento de Petrolina. Weintraub revelou que trinta anos atrás visitou a cidade e, hoje, encontrou uma realidade muito melhor. “Passei aqui de ônibus numa viagem indo de São Paulo para o Ceará. Mudou muito, é outro mundo. Essa é prova de que a gente pode mudar, que podemos enfrentar as dificuldades”, elogiou o ministro, que no final do discurso chegou até a tocar numa gaita a música “Baião”, de Luiz Gonzaga.

O prefeito Miguel Coelho, por sua vez, falou da relevância dos investimentos trazidos pelo ministro da Educação para dar continuidade à estruturação da rede de ensino de Petrolina. “Em apenas dois anos, já climatizamos mais de metade das salas e hoje o senhor libera mais de R$ 1 milhão para climatizar diversas outras escolas. Numa cidade tão quente como a nossa, isso faz muita diferença para o aprendizado das crianças. E por fim, essa notícia tão importante, que é a construção de uma escola num bairro que nunca teve uma sala de aula”, detalhou o prefeito.

Além dos recursos para Petrolina, o ministro Weintraub anunciou R$ 2,1 milhões para mobília, instrumentos musicais e climatização de escolas nos municípios de Afrânio, Araripina, Bodocó, Dormentes e Serrita. Ainda foram liberados investimentos para o campus do Instituto Federal do Sertão (IF), localizado em Ouricuri.

Fotos: Jonas Santos

Catende: Prefeito reedita decreto e mantem feriado católico na quinta

O Prefeito de Catende, Josibias Cavalcanti enviou ao Padre José Luiz um ofício informando que o decreto foi reeditado e manteve o feriado do Corpo e Sangue de Cristo no dia 20 de junho. 

Assim, a programação da igreja segue o seu curso normal. O dia 21 passa a ser facultativo.

Coluna do Blog - Segunda-feira, 17 de junho

Os candidatos em São Joaquim do Monte

Se a mata sul está um clima de guerra entre os candidatos e prováveis candidatos  no campo político, o agreste não é diferente. São Joaquim do Monte é uma dessas cidades que já está respirando política desde a última eleição quando ao final da corrida eleitoral o empresário Carlinhos de Chico lançou seu nome à sucessão do Prefeito Joãozinho Tenório (PSDB) que embora faça um governo aprovado pela população pesa o fato de ele não ser mais o candidato. Se no entanto, Joãozinho estará fora da urna, não deixará de estar perto dela ao apresentar o nome do seu ungido. 

Lutam por essa indicação o atual vice-prefeito Doutor Abrantes (PSB) que é hoje o nome mais forte para disputar dentro da base do prefeito, e o Secretário Guto Coelho (PSDB). Vale salientar que esses nomes são os nomes comentados pela população e em conversa com o prefeito Joãozinho Tenório ele já reiterou diversas vezes tanto a este blogueiro como aos demais meios de comunicação que só tratará de eleição em 2020.

Em conversa com Carlinhos de Chico, o empresário disse que sua candidatura está posta e que será o candidato da renovação e da mudança de quem quer mudar os destinos do município mas não quer de volta ao comando da cidade o grupo do ex-prefeito Zé Birro (PDT). O empresário também confia no apoio do seus deputados Clodoaldo Magalhães e João Campos e também acredita que o PSB será o seu destino para disputar o governo municipal.

Já dona Gal, que é filiada ao PDT e pode por ele disputar a eleição disse que está pronta para ir novamente para a batalha pelo governo de São Joaquim do Monte. Ela afirma que não escolhe adversário e que vai enfrentar quem o prefeito escolher. Além dos dois eu tentei entrar em contato com Doutor Abrantes mas ainda não obtive êxito. Também irei entrar em contato com Guto Coelho (PSDB) para saber de suas pretensões políticas na cidade. Esse é o rol de entrevistas que estaremos dando início esta semana aqui no nosso Blog e vocês acompanham a partir de hoje às 20 horas com a entrevista de Carlinhos de Chico.

Pél, tranquilo em São José da Coroa Grande
Com uma Câmara totalmente favorável à sua administração, o Prefeito Pél Lages de São José da Coroa Grande não deve ter muita dor de cabeça para montar o seu time em 2020. Segundo informações ele deve enfrentar o atual secretário de Barreiros, Cristiano, que é genro de João Baleia atual secretário de governo de Barreiros.

Em Brasília
O prefeito de Agrestina, Thiago Nunes e a Secretária Municipal de Saúde, Evanice Guenes estará embarcando novamente a Brasília, para tratar de assuntos relacionados a UPA municipal e a liberação de recursos para conclusão de algumas UBS (Unidade Básica de Saúde). Na oportunidade, o prefeito participará também de reuniões nos Ministérios do Turismo, da Cidadania, e do Desenvolvimento Regional, na busca de obter mais melhorias para o município.

Água Preta
Nós já ouvimos os pré-candidatos Paulo Barreto, e o atual vice-prefeito Tonhão (PSB). Mas não conseguimos agendar a entrevista com Noé Magalhães e nem com Elias de Alegrete.  Vamos ouvir também Dr. Galdêncio e Armando Souto que são nomes que estão se colocando. 

Agrestina
Vamos também entrevistar os pré-candidatos a prefeito de Agrestina Josué Mendes (PTB) e Carmen Miriam (PSB). Os dois nomes devem travar uma verdadeira disputa na cidade que promete ser um verdadeiro clássico.

Um estouro de acessos
O rol de entrevistas com os prefeitos ainda não acabou. Faltam cerca de dez prefeitos. A série de entrevistas com os prefeitos tem sido um verdadeiro estouro de acessos na região da mata sul e do agreste e tem sido muitas vezes a primeira oportunidade do prefeito esclarecer muitas coisas que o povo gostaria de saber. 

Vamos encerrar com o Galeguinho de Petrolina
Está confirmado e já está praticamente acertado e agora no mês de julho iremos encerrar o ciclo de entrevistas com os prefeitos entrevistando o Prefeito de Petrolina Miguel Coelho (Sem Partido) que tem sido um verdadeiro fenômeno em Pernambuco. Nós já estamos conversando com o Prefeito, mas vamos logo avisando que a entrevista dele vai encerrar a série de entrevistas com os prefeitos.

Marlos e as conquistas com João Campos
O pré-candidato a prefeito de Maraial, Marlos (que pretende se filiar ao PSB) esteve visitando o deputado federal João Campos (PSB) e fez alguns requerimentos para o município, como pedidos de estradas. Sobre a declaração do Prefeito de ir para o PSB (Postada no Blog), Marlos disse que o governador sabe quem esteve com ele em 2014 e 2018 e quem esteve contra.

Os lotes de Camocim de São Félix
O Prefeito da Camocim de São Félix colocou o presidente da Câmara, Vereador Emanuel Menezes numa verdadeira "cruzeta". Disse que não estaria distribuindo lotes na região por causa do vereador que estaria o impedindo. O vereador veio a público e disse que o seu projeto de lei não é para impedir mas para que a distribuição de lotes tenha mais lisura. "O Prefeito não distribui o lote porque não quer" disse.

Silvinho Silva - editor do Blog
Acompanhe o nosso Blog nas redes sociais
WhatsApp: (81) 98281-4782
Fanpage: https://www.facebook.com/blogdosilvinhosilva/
Instagram: blogdosilvinho_oficial

domingo, 16 de junho de 2019

Catende: Prefeito muda data de feriado religioso e causa revolta na população Católica

Nenhuma descrição de foto disponível.
O Prefeito de Catende Josibias Cavalcanti assinou um decreto municipal mudando a folga do feriado de Corpus Christ da quinta-feira (dia 20) para a sexta-feira (dia 21). A questão é que o tal decreto assinado pelo prefeito causou uma certa revolta na população Católica de Catende. Isto, porque no dia do Copro e Sangue de Cristo, a igreja prepara o tapete e existe a procissão e bênção do Santíssimo Sacramento.

Ainda vale lembrar que o Feriado é Nacional. 

O Pe. José Luiz, Pároco da Paróquia de Sant'Ana em Catende, remeteu ofício ao prefeito, entre outros assuntos lembrando o que cita o art. V da Constituição Federal sobre a liberdade religiosa e pede que o Prefeito de Catende coloque o dia 20 como ponto facultativo. Vários comerciantes da cidade ficaram revoltados com o decreto municipal do Prefeito Josibias e disseram que vão fechar o comércio, contrariando o decreto municipal. 

Aguardemos o posicionamento da Prefeitura da cidade.

Lagoa dos Gatos: Misso de Amparo participa das festividades juninas nos distritos

O Prefeito Misso de Amparo (PDT) de Lagoa dos Gatos participou neste último sábado (15) de dois arraiás nos distritos de Vila do Riachão e Bairro de Emenda. Com muito milho, pamonha, tapioca e muito forró, os moradores se divertiram e o prefeito aproveitou para festejar com o povo. 

Sivônio Vieira fez a festa na Vila do Riachão e no Bairro de Emenda a festa foi com os Garotos é Show. Cumprindo assim uma promessa de campanha do próprio prefeito Misso de Amparo que iria resgatar às festividades juninas no município de Lagoa dos Gatos.

"Não existe festa melhor do que às festas do mês de junho. Santo Antonio, São João e São Pedro são marcas tradicionais no coração de cada um de nós e principalmente uma grande riqueza para o nordeste. Eu gosto muito e aqui em Lagoa dos Gatos nós estamos realizando esses festejos nos bairros e na zona rural que é um incentivo para a população e também uma promessa de campanha nossa que estamos concluindo. E o bom é ver que o povo se alegra e e festeja também conosco" disse o Prefeito Misso de Amparo.



Arraial dos Funcionários

No último dia 14 aconteceu o Arraial dos Funcionários da Prefeitura de Lagoa dos Gatos. Um momento de descontração e de muito forró pé-de-serra para animar a galera e contou com a presença do Prefeito Misso de Amparo que vem a cada dia consolidando o seu nome como a grande liderança política da cidade. 

O forró ficou por conta de Cecéu, Edson Nego, Luciano Lira e Sivônio Vieira. E com uma diferença: O Arraial era dos funcionários mas foi aberto a todo o povo de Lagoa dos Gatos a convite do próprio Prefeito.

"Os funcionários públicos são os que mais tem contato com o povo e o mais justo era ver o povo participando dos festejos" disse Misso.


Confira mais fotos do evento:




Tempestade ameaça Recife e Maceió

Nuvens muito carregadas voltam a se espalhar sobre a costa leste do Nordeste.

Novas áreas de instabilidade crescem no litoral leste do Nordeste e ameaçam provocar mais chuva forte sobre Recife. Desta vez, a tempestade pode atingir também a região metropolitana de Maceió e outras áreas no litoral de Alagoas. Há potencial para alagamentos e deslizamentos de terra.

No fim da semana passada, a região da capital de Pernambuco sofreu com graves alagamentos por causa da chuva muito volumosa. Somente entre os dias 13 e 14 de junho, em um local de Recife, o Instituto Nacional de Meteorologia registrou 147,2 mm de chuva. No total de 48 horas, entre 12 e 14 de junho, choveu 213,6 mm que representam 55% da média de chuva para todo o mês de junho. Vários municípios da região metropolitana de Recife tiveram transtornos provocados pela chuva forte do fim da semana passada.

No começo da tarde do domingo, 16, a região metropolitana de Recife estava com muita nebulosidade e chuva e já era possível observar nuvens bastante carregadas próximas ao litoral de Pernambuco. A região de Maceió tinha só muita nebulosidade.

Na imagem da nebulosidade captada pelo satélite GOES-16, às 13h30  em Brasília (16:30 UTC), as nuvens com potencial para chuva moderada a forte aparecem como manchas vermelhas, alaranjadas e amarelas.

As áreas de instabilidade avançam do mar e provocam muita chuva sobre o litoral de Pernambuco e de Alagoas nesta segunda-feira, 17 de junho. As regiões metropolitanas de Recife e de Maceió também ficam com tempo instável, com predomínio de céu nublado e chuva no decorrer do dia.  A situação é de alerta para chuva forte e volumosa durante várias horas, com potencial para causar mais alagamentos, desmoronamentos e queda de barreiras. A quantidade de chuva esperada sobre Recife é maior do que a prevista para Maceió. (Veja alerta especial de chuva)

Quando a chuva diminui?

Estas áreas de instabilidade vão enfraquecer já na terça-feira, 18 de junho. A chuva ainda deve ocorrer a qualquer hora, mas já não será volumosa. A partir da quarta-feira, 19, e até o fim da semana, o sol volta a aparecer forte e nebulosidade diminui. Ainda pode chover no litoral de Alagoas e de Pernambuco, mas de forma passageira e com fraca intensidade.

Por enquanto, não há expectativa do retorno da chuva intensa a partir da terça-feira e até o fim da semana.

O outono está terminando. O inverno começa oficialmente no dia 21 de junho, às 12h54 pelo horário de Brasília.

Informações do site CLIMA TEMPO

Com emenda de Fernando Filho, Petrolina ganha mercado público de alimentos orgânicos

A cidade de Petrolina ganhou o primeiro mercado público de produtos orgânicos do Nordeste. O empreendimento, que contou com emenda de R$ 250 mil do deputado federal Fernando Filho (DEM), foi inaugurado neste domingo (16). A solenidade contou com a presença do prefeito Miguel Coelho, do senador Fernando Bezerra Coelho e do deputado estadual Antonio Coelho, além de secretários municipais e lideranças da região.

“Muito feliz de ver mais uma iniciativa sendo entregue para os petrolinenses e os sertanejos. Os recursos estavam travados em Brasília, mas conseguimos fazer a articulação para que a Codevasf viabilizasse a parceria com a prefeitura. Esse mercado vai ofertar uma opção de alimentação mais saudável para as pessoas, além de gerar emprego e renda para nossa cidade”, afirmou Fernando Filho.

O espaço, localizado no bairro de Areia Branca, próximo à feira livre, será dedicado à gastronomia mais saudável. O mercado contará com 28 bancas de diversos produtos orgânicos, entre os quais frutas, verduras, legumes e doces. A primeira feira será realizada no dia 5 de julho, e o funcionamento será às sextas-feiras, sábados e domingos.

* Fotos: Ivaldo Reges

Vereador do PSL é preso em Cachoeirinha por bater na própria filha de 7 anos

Um vereador do PSL da cidade de Bezerros, conhecido por Júnior Carvalho, foi preso na cidade de Cachoeirinha (PE), neste domingo,  enquadrado na Lei Maria da Penha.O imputado agrediu sua filha de 7 anos de idade em um restaurante da cidade de Cachoeirinha.Uma viatura da Polícia ia passando no local no momento e o levou até a delegacia.

Ele foi encaminhado para DP de Belo Jardim e após depoimento foi posto em liberdade.

Júnior Carvalho é líder do governo do Prefeito de Breno Borba (PSB) da cidade de Bezerros.

Às informações são do 15° Batalhão de Polícia Militar.


O dia que eu vi Miguel Arraes

Resultado de imagem para Miguel Arraes 1998
Eu sempre ouvi meu pai falar muito bem de Dr. Arraes. "Era o homem que matava a fome dos pobre. O homem da vaca na corda. O homem que trouxe energia elétrica para os sítios e para as grotas" dizia. E Arraes veio candidato em 1994 e deu um banho em Gustavo Krause que foi candidato pelo DEM.

Eu tive a oportunidade de ver Arraes apenas uma vez na minha vida. Foi em Setembro de 1998. Ele veio fazer um comício em Belém de Maria e eu fui ver ele lá. Tinha 11 anos e fiquei com uma patotinha de meninos bem pertinho de onde a gente ouviu os policiais dizerem que o carro ia parar.

- Bora ficar aqui.- Eu disse a dois que estavam comigo passeando. 
Era dia de feira em Belém de Maria. Arraes gostava de uma feira. Quando eu olhei para frente vinha aquele monte de carros, e o locutor aos berros no microfone. "O pai dos pobres, Miguel Arraes visita o povo de Belém de Maria. Dá-lhe Arraes! Olha Arraes aí!"

Eu corri, fui para o lado de Arraes. Segurei o paletó dele, ele me viu, deu um abraço e ali a gente seguiu "acabando a feira" até a frente da casa de Rolph que era prefeito na época. Lá discursou Arraes, discursos o hoje Senador Fernando Bezerra Coelho que era seu candidato a vice na época.

Dali não vi mais Arraes pessoalmente. Mas lembro até hoje dessa história do dia que eu abracei um verdadeiro mito da nossa história pernambucana.

Deputados, não mexam na aposentadoria dos professores

Resultado de imagem para Professores educação basica
Quem tem um coração verdadeiro de estudante, não pode aceitar calado que a Reforma da Previdência mexa com a aposentadoria para os professores da educação básica. Os professores que lecionam dos anos iniciais de primeiro ao nono ano e dos três anos do ensino médio, não podem ser comparados com professores universitários. 

Pela regra atual, dá-se o direito de que o professor se aposente por Tempo de Contribuição ao completar 30 anos (Homem) 25 anos (Mulher). Não existe exigência de idade mínima para um professor se aposentar. Pela nova regra se exige uma idade de 60 anos. Ora, vale a pena uma reflexão aos senhores e senhoras deputados federais e um desafio também: Vão para uma sala de aula e passem um dia! Isso mesmo, passem um dia inteiro e voltem para o Congresso para votar a reforma e vocês terão a noção se um professor da educação básica consegue se aposentar aos 60 anos de idade.

Vale ir mais à fundo com esta reflexão: Vários professores dificilmente conseguem se aposentar por tempo de contribuição porque já entram no auxílio doença por alguma patologia (Geralmente ligada ao estresse emocional, fadiga, cansaço). Lembrem-se que os professores não trabalham apenas na sala de aula, eles trabalham em casa corrigindo provas, preparando aulas, anotando cadernetas. Eles não querem nenhum privilégio. Querem apenas ter o direito de descansar. 

Façam o teste, nobres deputados. Se vocês aguentarem 5 aulas pela manhã com 50 minutos cada, ouvindo gritaria, tendo que gritar mais alto que os alunos. Tendo que se controlar emocionalmente para não sair da ética e da compostura pois muitas vezes os pais colocam nos professores a culpa pelos erros dos filhos. Sem contar de ameaças que os professores sofrem, dos riscos, de andar quilômetros, de organizar passeio. E o professor que vai para a roça? E o professor que dá aula a uma turma de primeiro ao quinto ano, todos com alunos misturados em uma única sala. 

Uma coisa é aquele professor universitário, outra coisa diferente é o professor que ensina aos filhos de vocês a educação básica. Não aumentem mais o sofrimento dessa classe. Eles merecem sim uma aposentadoria especial e quem é professor sabe disso. Reflitam, nobres deputados! 

Não mexam com os direitos conquistados pelos professores! Eles são especiais.E vocês sabem disso, sabem que os professores já recebem muito abaixo do que era para receber. Não maltratem mais essa classe não. 

Erro, que erro?

Resultado de imagem para Sergio Moro
O país despertou nos últimos dias com candentes noticiários acerca de conteúdos vazados, a partir de conversas privadas de dignitários da República envolvidos nas ações persecutórias da denominada Operação Lava Jato, a qual vem ineditamente desnudando enormes aparatos criminais relacionados com a prática da corrupção sistêmica no Brasil.

Dessas conversas privadas trazidas a público até aqui, sobre terem sido capturadas por meio de ação também ilícita (hacker), ex-vi do art. 5º, inc.
XII, da Carta Política da Nação, e por obra de fontes que se mantêm caprichosamente ocultadas - vale salientar que a Constituição Federal não admite o anonimato, de acordo com o seu art. 5º, inc. IV -, nada, absolutamente nada, a rigor técnico, se pode inferir como irregular de modo a justificar tamanho burburinho que vem sendo feito em escala nacional e, no mesmo trato, amplamente explorado pela imprensa, algo pirandellianamente (“Assim é..., A propósito, tudo isso não parece ter escapado de uma singular narrativa diversional, a verdadeira etiologia do fenômeno em discussão. Ora, em tese, todo aquele a quem faleça razão, qualquer que seja o litígio em que se ache envolvido, máxime por crimes submetidos às organizações criminosas, diverte os auditórios e ataca acusadores. Essa conduta, ora explícita ora dissimulada, faz parte do jogo persecutório na atualidade e o Estado deve manter-se vigilante também na repressão à periferia da macrocriminalidade, tão ou mais insidiosa do que a violação da tutela penal de fundo.

De fato, e com base no que se vem divulgando midiaticamente até aqui, não se pode concluir que houve erro nas conversas privadas em foco. Do episódio dessas narrativas difusas, as quais, se verdadeiras, assim como se verdadeiros os seus conteúdos, apenas parecem descrever pontos de vista instrumental ou cenários pré-processuais que estão na linha de atuação de todo operador jurídico na esfera do Estado-repressor das delinquências em geral e, particularmente, no combate aos crimes organizados e às respectivas organizações criminosas. Desse modo, não se divisa erro funcional algum, mas as narrativas em comentário, estas sim, refletem conduta criminalmente censurável que requer apuração diligente e qualificada.

Com efeito, tendo em vista a atual conjuntura política da sociedade brasileira, não parece inverossímil que toda essa ação haja sido desencadeada com espeque na disputa pelo poder, ao mesmo tempo em que se busca desautorizar o movimento conjuntivo da ação repressiva do Estado para devolver-lhe, também no estrato do combate às organizações criminosas, de volta ao seu perfil clássico e disjuntivo. 

Atavicamente, portanto.

Sobre isto, cumpre analisar que a linguagem clássica utilizável na persecução jurídica dos crimes interpessoais (“fulano matou sicrano por vingança”) já não é a mesma para o enfrentamento das organizações criminosas (diversos crimes ligados por uma fachada de valores empreendedorísticos que congrega múltiplos atores distribuídos de modo objetivo e hierarquizado, mas com propósitos ilícitos de diversas ordens,matizes e configurações), cujo approach exige uma complexa massa de relacionamentos e de cooperações previstas expressamente na Lei nº 12.850/2015, sob autorização constitucional própria [máxima efetividade das normas de segurança pública e da persecução criminal de iniciativa pública, dever do Estado, direito e responsabilidade de todos, conforme o art. 144, § 7º, da Constituição da República]), massa essa que, na prática, envolve todos os operadores jurídicos da repressão legal à macrocriminalidade com vistas ao desbaratamento de tais cânceres sociais da contemporaneidade e à responsabilização efetiva e não meramente cosmética dos implicados (“orcrims”).

O esforço da legislação de regência, além do mais, vai no sentido constitucional das igualdades, bem como da razoável distribuição da Justiça entre todos os membros da sociedade, considerados sem acepção decorrente de classes ou de pessoas. Contra as funções normativas dessa legislação especial que objetiva a repressão eficaz às organizações criminosas não se pode opôr meros argumentos de natureza garantista, conquanto se tratem, uma e outros, de ordens epistemológicas inconciliáveis. Desse modo, o simples garantismo jurídico não desqualifica a natureza mais complexa e profunda das investigações prefiguradas normativamente para o escopo de desbaratar as organizações criminosas em geral. 

Observe-se que não é incomum a troca de profissionais da defesa de acusados submetidos a esse tipo de processamento especial, haja vista motivos óbvios de melhor ajustamento das linhas de defesa com as novas orientações persecutórias das quais não se podem desvencilhar os eventuais investigados.

Por isso e para essa finalidade crucial à estabilidade da vida no socius, admite-se inclusive a adoção de técnicas especiais de infiltração, ação controlada, colaboração premial (modelo do plea bargain, originário do common law), tudo isso que, sem exaurir as possiblidades de investigação refinada, haja vista os complexos cenários de uma tal delinquência, marcada sobretudo pela sofisticação e pela resiliência de seus múltiplos modus operandi e pela inserção social de seus agentes, pode precipitar incompreensões e é precisamente nesse espaço cognitivo, ainda em construção, em que se atua no sentido de deslustrar esse alvissareiro advento normativo na Ordem Jurídica brasileira. Esse cenário pode explicar o azáfama noticioso sobre material obtido ilicitamente e como tal
divulgado.

Outrossim, se as investigações criminais não resultarem tão ou mais complexas do que a complexidade mesma do fato empírico das “orcrims” com seus engenhos, técnicas e sistemas, o Estado acabará sucumbindo à macrodelinquência e a sociedade, de todo modo, submeter-se-á ao império do mal. O próximo passo social seria a barbárie, pois o atavismo já o estaríamos vivenciando, acaso fosse permitida a inconsequência de se misturar ordens virtualmente inconciliáveis nesse cenário de obtusidades e de perversões criminais: macrocriminalidade (funcionalismo penal) X criminalidade clássica (dogmatismo garantista).

A propósito, enquanto juízes e representantes do Ministério Público emitem ofícios, cartas e demais expedientes próprios da burocracia judiciária, ainda que no formato digital, macrocriminosos utilizam inúmeros aplicativos próprios da tecnologia da informação e muitos outros engenhos, produzindo suas soluções de modo muitíssimo mais célere do que o poder público é normalmente capaz de prover às diversas demandas por distribuição de Justiça e outras necessidades públicas. É vergonhoso e esse é precisamente o ponto fraco do Estado de Direito a ser reorientado até mesmo em razão da necessidade de sua sobrevivência institucional, sem embargo da atuação de pessoal satisfatoriamente qualificado para os desafios destes novos tempos e das novas rotinas processuais. Assim sendo, ou o Estado se atualiza, além de selecionar bem  os seus agentes que lhe darão adequada corporeidade, ou cede à barbárie.

Finalmente, argumenta-se, apenas por amor ao debate, que as narrativas que foram divulgaram até aqui parecem também clara e inteiramente desproporcionais, valendo para suscitá-las conforme aqui descritas o axioma processual consolidado pela principiologia jurídica: pas de nullitè
sans grief (“não há nulidade sem prejuízo”). Para concluir, constata-se que há duas linguagens jurídicas para a repressão legal da criminalidade, haja vista suas duas acepções contemporâneas: a criminalidade propriamente dita ou clássica e a macrocriminalidade. Misturar ou inverter essas linguagens para cenários litigiosos distintos é a técnica de defesa dos que não têm razão perante o Estado de Direito. Corruptela dessa inversão terminológica e conceitual é o processo de desqualificação pessoal e subjetiva dos agentes desse mesmo Estado de Direito, máxime quando cumpram com êxito as suas atribuições legais na repressão a esse tipo altamente complexo e sofisticado de delinquência e quando atuam proativa e cooperativamente suas funções de competência legal específica.

Conforme ficou assentado acima, ou o Estado se atualiza - e a lei o determina expressamente! - ou sucumbe ao crime com o qual segue todo o espectro das conquistas sociais entre nós.

Dr. Roberto Wanderley Nogueira 
Juiz Federal
Professor de Direito da UFPE

sábado, 15 de junho de 2019

Pél de Lages: "São José está bem melhor e nós iremos com força e garra em 2020"

Entrevista


O nome dele é Jaziel Gonsalves Lages, mas é conhecido por Pél Lages (PATRIOTAS). Prefeito de São José da Coroa Grande ele nos contou um pouco de sua história e da sua administração e também dos prováveis cenários para 2020. Pél é um prefeito que trabalha em parceria com a Câmara Municipal da cidade. Foi uma surpresa para mim saber que dos onze vereadores que fazem parte da bancada municipal, nenhum faz oposição ao Prefeito. O Prefeito já foi auxiliar de contabilidade, camelô. Em 2000, Pél foi eleito vereador de São José da Coroa Grande e foi vereador por quatro mandatos. 

Em 2016 foi eleito prefeito com o apoio de sete vereadores. O prefeito disse que a sua meta é que São José da Coroa Grande seja uma praia como era nos anos 80, quando o turismo era forte no município. Para isto, o Prefeito tem investido forte na divulgação da Praia e das piscinas naturais. 

Educação e Saúde
O Prefeito disse que São José da Coroa Grande cresceu na colocação do IDEB. "Para você ter ideia no cardápio do nosso município da merenda escolar nós oferecemos Açaí para às nossas crianças" disse o Prefeito na entrevista. Além disso um ônibus leva os universitários todos os dias para o Recife para fazerem seus cursos universitários na capital pernambucana.

"Nós demos uma melhorada grande na saúde. Hoje nossa cidade tem médicos todos os dias, temos ultrassonografia e eletrocardiograma no hospital, temos médicos todos os dias, temos dentistas para o tratamento bucal dos cidadãos de cidade. E estamos recuperando o laboratório municipal. Entregamos várias UBS's na cidade e vale lembrar que temos o apoio dos nossos vereadores em torno dos nossos projetos" ressaltou Pel de Lages.

O Prefeito conquistou dois ônibus, dois veículos FIAT UNO, uma reforma da escola padrão MEC e além disso às salas de aula estão sendo equipadas com ar condicionado. "Nós estamos investindo forte em educação especial, temos professores que cuidam das crianças especiais que não tínhamos".

"Nós conseguimos organizar o hospital emergencial, conseguimos cinco ambulâncias novas através de emendas da deputada Simone Santana, João Fernando Coutinho, Mendonça Filho, José Maurício, Pastor Eurico. Temos veículos que buscam os doentes em casa para serem atendidos no hospital.

Intercâmbio Cultural
Um dos projetos que tem chamado bastante atenção e tem sido inovador é o intercâmbio cultural com os alunos da rede municipal de ensino. "Nós levamos os nossos alunos para conhecer os municípios e os destes município vem conhecer o nosso município, as praias, piscinas".

Sobre 2020
"Sou candidato a reeleição. E se for da vontade de Deus sou candidato a prefeito novamente".O prefeito Pél Lages fala das dificuldades pelas quais passam os municípios mas disse que mesmo assim pretende lutar por um novo mandato para fazer um grande trabalho em São José. 

Paulo Câmara
"Sou aliado do Governador Paulo Câmara, ele tem nos ajudado com O FEM e se não fosse o trabalho dele estaria mais difícil ainda para São José. Paulo Câmara tem nos ajudado muito" disse Pél que é do Patriotas mas que tem recebido convites de outros partidos para disputar sua reeleição como o PP e o PSB. No entanto o Prefeito disse que tem uma preferência partidária que vai estar dizendo em breve. "Eu só vou tratar de política em 2020. No momento vou tratar apenas de trabalho" disse Pél.

O Prefeito falou de sua admiração para como a ex-primeira dama Renata Campos. "Ela tem ajudado muito o governador Paulo Câmara o orientando nos bastidores a continuar ajudando o governo de Pernambuco e ajudando os municípios".

Pél de Lages ainda declarou que tem um sonho que é o de ser deputado estadual. No entanto ele deixou claro que caso seja reeleito em 2020 só vai disputar a ALEPE em 2026.

Ao final da entrevista Pél fez um agradecimento especial a sua esposa, a sua família que tem sido um refúgio em todos os momentos de sua vida.




Parte 2 da Entrevista:

REVISTA TOTAL REALIZARÁ EM BRASÍLIA A FESTA DO PRÊMIO DESTAQUE TOTAL NACIONAL 2019

FBCNessa primeira edição na Capital Federal os homenageados serão agraciados com o Troféu J C Gontijo

Como sempre promoveu em Pernambuco, durante vários anos, a escolha de personalidades dos mundos político e empresarial, a Revista Total, após se lançar nacionalmente, realizará em Brasília (DF), a festa dos destaques, agora com dimensão nacional, com o título de FESTA DO PRÊMIO DESTAQUE TOTAL NACIONAL 2019.

Os agraciados receberão o Troféu J C Gontijo, numa homenagem a um dos maiores empresários do ramo imobiliário de Brasília, o engenheiro e presidente da J C Gontijo Engenharia, José Celso Gontijo.

Lula sabia e apoiou que o PT rifasse Marília Arraes em Pernambuco. Humberto estava certo!

Há quase um ano a candidatura de Marília Arraes (PT) ao governo de Pernambuco era rifada, colocando acima da candidatura da petista que liderava às pesquisas de intenção de votos ao governo do estado os interesses partidários no apoio do PSB a candidatura presidente do partido que começou a campanha sendo com Lula e depois foi substituído por Haddad.

A entrevista foi concedida ao jornalista Glenn Edward Greenwald. Ele diz que Ciro questionava Lula por tê-lo atrapalhado na disputa, rifando a candidatura de Marília Arraes. Lula apenas sorria e ao final disse:

- Agora veja só: Ciro reclama do PT porque o partido articulou apoio para a nossa candidatura e onde o PT errou?- Questionou Lula.

- Mas, vocês deixaram de ter uma governadora no Pernambuco - disse Glenn Greenwald.

- Isso faz parte da articulação - disse Lula.

O que tem de novo nisso? Ora, ano passado na época em que Marília saía do páreo, Humberto Costa, então senador e pré-candidato à reeleição disse que o que o PT fez foi seguir uma orientação de Lula. 

Veja como Humberto foi recebido pela militância no dia da convenção do PT:

O então pré-candidato ao senado, Silvio Costa (AVANTE) disse que a candidatura de Marília Arraes foi retirada pela "banda podre do PT" e disse que essa decisão não partiu de Lula. "Eu estive com o presidente Lula e Lula disse que era para Marília Arraes ser a candidata"...


Resumindo:
Ao jornalista Lula afirmou saber de todas às articulações políticas para afastar o PC do B (Lula entregou a vaga de vice-governadora a Luciana Santos) e o PSB (Lula mandou retirar Marília Arraes do páreo). Disse que isso faz parte do jogo e que bastava que Ciro tivesse mais votos que o Haddad para receber o apoio do PT. 

Ou Lula mentiu na entrevista ao Glenn Greenwald, ou mentiu para Silvio Costa e Marília Arraes ao dizer que a decisão de retirar a candidatura da petista em Pernambuco. Será que Lula faz parte da "banda podre do PT" como disse o ex-deputado Silvio Costa?

Quem assistiu a entrevista de Lula ao Gleen Greenwald não tira outra conclusão a não ser: Humberto Costa sempre teve razão ao dizer que a decisão de tirar Marília da disputa pelo governo do estado partiu de Lula. E Ciro Gomes vai mais além: "Lula comprou o apoio do PSB e do PC do B".

O vídeo completo da entrevista você assiste nesse link:





Cabo de Santo Agostinho: Eduardo Cajueiro reúne equipe para conversar sobre o Cabo

O pré candidato Eduardo ligado ao movimento #CaboMereceRespeito reuniu sua "Equipe" no último sábado dia 08 de junho,  no Hotel Intercity do Shopping Costa Dourada para "juntar as brasas" e alinhar alguns encaminhamentos da Pré Campanha a prefeito do Cabo! 

"Estamos no caminho certo. Reunimos os companheiros hoje aqui para reafirmar a nossa vontade de mostrar ao povo do Cabo que podemos fazer uma nova política sintonizada com as pessoas e com novas práticas dissociadas de interesses pessoais e familiares. Estamos mais sintonizados do que nunca. Vamos manter o foco", disse o pré candidato ao final do evento.

Tamandaré: Prefeitura antecipa primeira parcela do 13º salário de todos os servidores

O prefeito Sérgio Hacker antecipou, neste sábado (15), a primeira parcela do 13º salário de todos os servidores, como havia falado em emissora de rádio recentemente. 

“A antecipação do valor visa trazer um reforço para quem quer aproveitar o São João, ou um auxílio para as famílias que têm dificuldades. E que beneficia também a economia do município”, disse Sérgio Hacker. 

Pronto, pode verificar no seu aplicativo, e procurar sua agência bancária disponível, pois já tem dinheiro na conta.

Prefeitura de Tamandaré, compromisso com você!

Com 2020 “logo ali”, Josué Mendes se reúne com lideranças de Agrestina

Em clima junino, Josué Mendes, favoritíssimo às eleições de 2020, reuniu dezenas de lideranças políticas na tarde desta sexta-feira(14), para reforçar aquela que é uma das maiores marcas do grupo político da situação: a unidade. 

Com a participação também do prefeito Thiago Nunes e do vice prefeito Zito da Barra, o bate-papo amistoso pontuou os avanços ao longo dos quase sete anos da atual gestão e fez uma projeção para o pleito do próximo ano. 

Josué Mendes foi prefeito durante dois mandatos(2001 a 2008) e vice no primeiro mandato de Nunes(2013 a 2016). Ele enfrentou uma batalha judicial, saindo vencedor quando conseguiu provar sua idoneidade, inclusive perante o Tribunal de Contas de Pernambuco, tendo todas as suas oito prestações de contas aprovadas pelo órgão. Agora segue ficha limpa em busca do seu terceiro mandato! 

Por Blog Adriano Monteiro

Catende: Vereador Buda convida para São João de Roçadinho

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas, pessoas em pé, céu, casa e atividades ao ar livre
O vereador Buda juntamente com a comunidade de Roçadinho, convida você para festejar o arraial da comunidade. O palhoção já está quase pronto para receber toda comunidade e convidados na festa, que será iniciada amanhã dia 15/06 às 20:00 horas no distrito de Roçadinho. 

Venha festejar você também!!! 

As comemorações acontecerão todos os finais de semana durante o mês de junho.

Palmares: Arraiá da Assistência Social reúne equipe no Rotary

Reunidos ontem no Rotary, os servidores da Secretaria de Assistência Social realizaram o Arraiá da Assistência Social com a presença do Prefeito Altair Junior e toda sua equipe administrativa e também de todos os conselheiros tutelares do município.

Um momento de descontração que reuniu todos para celebrarem e dançarem muito forró. A Secretária de Assistência Social, Silvana Souza, vem fazendo um grande trabalho à frente da pasta com o apoio sempre do Prefeito Altair Junior.

Além do Prefeito estiveram presentes: O Presidente do SAAE, Ricardo, O Secretário da Juventude, Tiago Lima, O Secretário de Saúde, Dr. Francisco, o Secretário de Finanças Dgerson Melo, a assessora do prefeito Élida Mayara, o assessor do prefeito Ivanildo Gomes, o Chefe de Gabinete Eduardo Aleixo, o Secretário de Desenvolvimento Econômico Wilson Monteiro e o Presidente da Casa da Cultura, Edson Silva, o Secretário de Obras Adalberto Porto, o Secretário de Educação Professor Flávio Miranda e o Coordenador da Defesa Civil, Paulo Boanerges.



sexta-feira, 14 de junho de 2019

Marquinhos Moura: "A melhor resposta será dada em 2020 quando eu for eleito novamente"

O Prefeito de Maraial, Marquinhos Moura (PTB), nos recebeu em sua residência e conversamos sobre administração e também sobre 2020. Falou de temas polêmicos como a questão do atraso salarial dos comissionados e de questões envolvendo áreas do governo Moura. O prefeito ainda disse que pretende deixar o PTB e se aliar a Frente Popular e comentou sobre seus adversários.

Deu uma resposta ao vereador Everaldo do Queijo que o criticou em uma matéria postada no Blog e também falou sobre a disputa. Moura também comentou sobre às conquistas do seu governo como uma nova frota de veículos e outras obras. O Prefeito também anunciou obras que estarão se inciando nos próximos dias e falou sobre o Marquinhos Moura que vai enfrentar às urnas em 2020.


Silvinho - Prefeito, bom dia.
Moura - Muito bom dia Silvinho. Eu sei que foi um corre corre grande para a gente conseguir essa entrevista, mas tudo tem o seu tempo certo. E eu peço que você fique à vontade: Faça às perguntas que a população fez e eu estou aqui para responder.

ADMINISTRAÇÃO
Silvinho - Como está a administração do Prefeito Marquinhos Moura em Maraial?
Moura - Eu sou muito realista.Eu venho de uma administração boa, mas com falhas. Falhas que a gente tem mas se comparar com o que a gente herdou aqui do governo passado. Hoje nós temos seis ambulâncias novas, educação de qualidade, médico todos os dias, temos dentistas. Eu estou dando o apoio que Maraial precisava. Mas temos nossas falhas, nem Deus agradou todo mundo imagine eu. Eu estou pronto para avançar. Reformei às escolas, coloquei ar condicionado no Colégio Fábio Correia. Temos uma frota de veículos nova. Estou fazendo das tripas corações e seguindo em frente querendo fazer o melhor para Maraial.

Silvinho - Uma das reclamações é que existe hoje 4 meses de salários atrasados e que os funcionários estariam procurando o Ministério Público para denunciar o município. É fato ou é Fake?
Moura - Uma parte é fake news e outra parte eu assumo minhas falhas com cargos comissionados.  Não é quatro meses, estão aproveitando para inventar conversa. E nós estávamos três meses, pagamos um, ficou dois e até o final desse mês de junho estamos deixando em dia. Vale frisar que a saúde está em dia, a educação está em dia. Onde estava ocorrendo atraso foi nos cargos comissionados.

Silvinho - Outra reclamação é que o senhor colocou o Vereador Carlinhos de seu Rei para ser secretário de saúde e uma das reclamações que eu vi de um vereador é que ele (Carlinhos) estaria usando o cargo para fins políticos.
Moura - Eu não vejo por esse lado. Ele tem o seu lado político mas isso é mais picuinha. Eu não vejo uso político do secretário. É que nunca a pessoa consegue agradar 100%. Mas a gente tá conseguindo resolver os problemas que tem. Se não fosse ele seria outro. Eu não poderia deixar a secretaria sem ninguém. Tudo isso que acontece é crítica pré-eleitoral.

Silvinho - A educação de Maraial tem sido referência na região. A secretaria de educação tem sido destaque. O seu secretário de educação, Aldemar Neto, tem feito um grande trabalho. Agora vai a pergunta: Existe a possibilidade de Neto ser seu vice?
Moura - Não, não. A gente escolheu Neto porque é um bom técnico uma pessoa de minha confiança. E é uma pessoa que não é político, ele é técnico. E foi uma pessoa que deu certo na educação. Eu quero parabenizar Neto pelo seu grande trabalho. E muita gente usa o destaque de Neto na secretaria para queimar o nome do secretário. Eu ainda não decidi e nem coloquei na mesa essa discussão de vice. Em nenhum momento nem eu e nem ele conversamos sobre candidato. E o vice eu só escolho em 2020.

PROCESSO ELEITORAL - 2020
Silvinho - E o atual vice-prefeito, o médico Doutor Márcio como é sua relação com ele?
Moura - Doutor Márcio é uma pessoa boa que eu tenho uma grande admiração por ele, mas ele está chateado comigo e até hoje eu não sei porque. Mas política é isso, e no momento eu não tenho nada contra ele. A gente não tem mais a ligação que tinha, mas não tenho nenhuma mágoa com ele.

Silvinho - Existe a possibilidade do seu candidato a vice sair da Câmara de Vereadores?
Moura - Existe. Pode acontecer de um dos vereadores ser o meu vice. E garanto a você que no ano que vem o primeiro veículo de comunicação a publicar será o Blog do Silvinho.

Silvinho - O governador Paulo Câmara sobe no palanque de quem aqui em Maraial?
Moura - Eu tenho uma ligação boa com o governo do estado, me dou bem com o pessoal do governo. E está se trabalhando para nós termos uma boa base dentro do PSB.

Silvinho - O senhor pretende deixar o PTB, depois de anos no partido?
Moura - Você sabe que eu fui e sou muita fiel a doutor Armando mas eu tenho que procurar o meu espaço, vou ver como vai ficar o PTB em nível estadual, vou conversar com o pessoal do PTB e ver como ficarão os alinhamentos e um desses pode ser com o governo do estado. Eu estou aguardando o momento certo para que a gente possa conversar e definir.

Silvinho - Diante do que o senhor falou e o que eu escuto nos bastidores posso dizer que existe uma possibilidade grande de Moura disputar pelo 40 (PSB)?
Moura - Há possibilidade. Sim. Vai depender das nossas conversas com o governador e com os secretários. Mas há sim essa possibilidade disso acontecer.

O QUE O POVO FALA...

Silvinho - Eu postei uma matéria no Blog, onde o vereador Everaldo do Queijo enviou umas fotos do cemitério e ele chegou a lhe chamar de velhaco e eu gostaria de saber qual a sua opinião sobre o que o vereador falou e o que o senhor tem a dizer sobre isso.
Moura - O vereador Everaldo do Queijo deve ter problemas pessoais contra mim,ele tá levando para um lado muito pessoal. E a resposta que eu tenho a dar para ele é que Deus abençoe ele, porque ele é um cara que não tem caráter nenhum de falar mal de ninguém, porque o passado dele não é um passado limpo. Ele já teve vários problemas com a vida pessoal dele de ter problema com combustível, roubo de combustível e eu não tenho medo de dizer porque é verdade. Do jeito que ele me chama de ladrão de velhaco, de safado eu também tenho o direito de falar o que quiser dele. Mas eu não quero tá falando mal dele, eu quero que Deus abençoe ele. O vereador é dessas pessoas que quer aparecer fazendo críticas aos outros, mas não é assim que se cresce na política. Ele não ajuda ninguém, não dá uma cesta básica a ninguém, não dá um queijo que ele vende a ninguém. E a resposta que eu vou dar a ele é ganhando novamente a eleição. A melhor resposta é vencendo e sendo prefeito novamente em 2020.

(Ouça a entrevista na íntegra nos áudios abaixo)

Primeira Parte:

Segunda Parte:

Terceira Parte: