terça-feira, 27 de novembro de 2018

PT já briga por cargos!


Panela de pressão petista começa a apitar e pode explodir
Por Arthur Cunha – especial para o blog
Mal terminou a eleição, e o bom e velho PT de Pernambuco já está prestes a começar uma nova disputa interna. Motivo: o petista que será apresentado ao governador reeleito Paulo Câmara (PSB) como representante da legenda no futuro secretariado estadual. Aliado de primeira hora do socialista, o senador Humberto Costa quer emplacar seu braço direito, Dilson Peixoto. Mas o nome não é consenso. Outro grupo quer o deputado estadual Odacy Amorim, que tem voto e é a principal liderança da sigla no São Francisco. A panela de pressão petista começou a apitar e pode explodir a qualquer momento.
Nos bastidores da legenda, acredita-se que o partido ficará com a Secretaria das Cidade e um órgão vinculado – eles sonham com o Detran (sonhar, neste caso, não é realizar). Nesse cenário, Humberto trabalha para garantir na secretaria Dilson, que já foi presidente do Grande Recife Consórcio de Transporte, a antiga EMTU, no Governo Eduardo. Para o tal, conta com a ajudinha do PT do Recife.
Ex-prefeito da capital pernambucana, João da Costa seria o indicado para presidir o órgão, por esse acordo. Ele assumirá a vaga na Câmara de Vereadores da deputada federal eleita Marília Arraes. Sua ida para o segundo escalão estadual abriria vaga na Casa José Mariano para o presidente do diretório municipal e suplente de vereador, Oscar Barreto, talvez o petista mais próximo hoje do PSB, que trabalhou muito pela aliança com os socialistas.
A equação estaria fechada se não fosse Odacy Amorim, o único desses cogitados que teve boa votação este ano. Mesmo não se elegendo deputado federal – é o primeiro suplente do partido –, Odacy desponta com força para concorrer novamente à Prefeitura de Petrolina em 2020, com o aval do Palácio. Além disso, fez a esposa Ducicleide deputada estadual. Ou seja, tem voto fora e dentro da Alepe, além da simpatia do governador, que já deu mostras do seu apreço pelo ex-prefeito. Câmara quer contar com Odacy no seu segundo governo antes de lançá-lo em Petrolina com o objetivo de tomar a prefeitura dos Coelhos. Esse fator, certamente, contará na resolução do problema.

(Magno Martins)

Nenhum comentário:

Postar um comentário