sábado, 24 de novembro de 2018

Moro diz que a lei do abate não existe


Sérgio Moro e Wilson Witzel compareceram a um evento de ex-alunos de direito da Universidade de Harvard que aconteceu no Centro do Rio de Janeiro, nesta sexta-feira (23) e passaram por um momento no mínimo desagradável. Perguntado se é a favor da popularmente conhecida como “lei do abate” proposta pelo governador eleito do Rio, o  futuro ministro da Justiça e Segurança Pública afirmou que não tem o mesmo entendimento sobre o tema.
 "Não parece que a proposta seja essa. Não existe uma lei desse tipo no Brasil ", disse Moro, trazendo a ideia de  que a ‘ lei do abate ’, na verdade, foi mal interpretada.
O termo surgiu após Wilson Witzel afirmar, ainda em campanha para o governo, de que no seu mandato o policial estará autorizado a atirar e matar suspeitos que estejam representando um risco ao cidadão. Ou seja, que esteja portando fuzis.

Nenhum comentário:

Postar um comentário