sábado, 7 de julho de 2018

PT terá Marília como prioridade se PSB fechar com Ciro


A mensagem direta de Lula para que seu partido aposte na candidatura de Marília Arraes ao governo pernambucano não surpreendeu políticos que visitaram o petista em Curitiba. Há algumas semanas, Lula disse que a neta de Miguel Arraes era “uma bênção” para a sigla.
Se o PSB fechar mesmo com Ciro Gomes (PDT), como indica que fará, petistas avisam que a candidatura de Marília não será apenas mantida, mas ganhará status de prioridade para a sigla.
O presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira, tem declarado que a neutralidade não está mais entre as opções do seu partido, mas Gleisi Hoffmann (PT) ainda fará uma última investida sobre os diretórios de PE e PB.
Nas conversas com dirigentes de outras siglas, o PT tem levado debaixo do braço pesquisa na qual testou diversos cenários sem nominar um representante, mas apontando “o candidato indicado por Lula“.
Os dados do levantamento indicam que, em determinados estados do Nordeste, como Pernambuco, qualquer que seja o nome do PT, quando explicitamente apadrinhado por Lula, larga com cerca de 20% dos votos.
Siqueira, do PSB, disse a pessoas próximas que pretende chamar uma reunião da cúpula do partido na semana do dia 16 com o objetivo de alinhar posições e já sinalizar com clareza o caminho da sigla na eleição.
PDT prometeu apoiar o PSB em estados como SP, ES, DF e SE. O presidente da sigla de Ciro Gomes, Carlos Lupi, quer oficializar as alianças locais no mesmo dia em que os pessebistas anunciarem a nacional.(Daniela Lima - Painel, FSP)

Nenhum comentário:

Postar um comentário